Publicado por: lesbianornot | Outubro 19, 2008

Apaixonar-me outra vez

http://www.youtube.com/watch?v=T0ENmZrhjCI

Alguém me mandou este vídeo do par mais famoso do L-word. Essa pessoa, quando ouviu a minha história de vida, afirmou: a tua história é tal e qual a história da Bette e Tina do L-word. Nunca tinha pensado nisso, mas sim, tem muitas semelhanças🙂 afinal essas histórias não são só de filmes (claro que nós não somos assim tão charmosas e lindas).

Também encontro semelhanças em muitas outras histórias que encontro na série, nomeadamente aquela história do gráfico de ligações entre as pessoas :p ; outras vezes vejo a minha história de vida a encontrar-se com as histórias do Almodôvor, tão recambolescas são as cenas que vivo!!

Vivo também rotineiramente como outras pessoas quaisquer, enfim……..vivo…..e às vezes páro.

Agora páro, é certo, coloco um ângulo pragmático sobre o que me vai acontecendo.

Conheci alguém e senti imediatamente algo, só de falar no msn. Foi recíproco. Não conseguíamos deixar de pensar uma na outra. Inexplicável.

Mas ao vê-la, ao conhece-la, vejo que a nossa história não tem muitas pernas para andar e por isso me refreio – não quero sofrer mais, embora saiba que vou sofrer por amor, muito mais vezes. Mas neste momento, não consigo. É superior a mim. Serei uma pessoa que vê o amor “tipo AMOR PRAGMA”?

Quero amar, mas também quero maximizar os factores que conduzem ao sucesso da relação e há vários predicados que são essenciais e que têm a ver com o que já escrevi neste blog. A importância da correspondência intelectual. Afinal o que nos resta quando outros condimentos começam a baixar?

Poder conversar sobre tanta coisa que me preocupa e me interessa, é fundamental. Já vivi muita ausência disso e senti-me tão sózinha! Quero muito desta vez. Talvez nada venha a ter, mas quero muito.

Depois, temos caminhos tão diferentes e por isso tenho medo. Também já vivi isso. Sinto o peso do mau que já vivi e essa experiência é um travão. Tenho medo, sim.


Responses

  1. nada podera ser igual tens que viver a o momento para veres a diferenca nao desistas de algo que podera ser muito bom para ti.

  2. 🙂

  3. Por muito que venhas ainda a sofrer, ou que venhas a ser muito amada…Nunca vai ser igual.
    De inicio vai haver sempre uma mágica um momento unico que nunca irás esquecer…
    Quando esse amor te aparecer aproveita ao máximo, esta vida são dois dias amiga e o de hoje já está quase no fim.
    Beijos.


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Categorias

%d bloggers like this: